Hidalgo Romero

Hidalgo Romero é formado em Arquitetura e Urbanismo pela Unesp e mestre em Multimeios pela Unicamp. Cursou a oficina de “Roteiro de Cinema” na Escola Internacional de cine e TV de San Antonio de los Baños em Cuba em 2005. É membro da produtora de documentários Laboratório Cisco desde 2006, onde trabalha como diretor, produtor e montador.
É diretor das séries televisivas “Taquaras, tambores e violas” (primeira e segunda temporadas, 2015 e 2019) e “Da nascente à foz” (2020). Em 2019 dirigiu o longa metragem “Chão de Fábrica”, em parceria com Renato Tapajós. Montou a série “Chão de Fábrica” (2017) e o longa-metragem “Esquerda em Transe” (2018), ambos dirigidos por Renato Tapajós. Dirigiu e editou os curta-metragens “Acontecências” (2009) e “Rio Verdadeiro” (2017) e o média-metragem “A briga do cachorro com a Onça” (2011).  Produziu diversos  longas metragens, entre eles, “O Rosto no Espelho” (Renato Tapajós – 2010), “Cartas para Angola” (Julio Matos e Coraci Ruiz – 2012), “Fim do Esquecimento” (Renato Tapajós – 2013) e “Corte Seco” (Renato Tapajós – 2014).